Começando o Dia

De segunda a sexta-feira, das 8 às 9 horas Apresentação: Alexandre Machado

“Xingu” traz a saga dos irmãos Villas Bôas para o cinema

Filme estreia em 200 salas do país

Arte & Cultura

12/04/12 12:57 - Atualizado em 12/04/12 12:57

Entrou em cartaz na última sexta-feira (06) o filme “Xingu”, dirigido por Cao Hamburguer e produzido por Fernando Meirelles.

O longa, que está em cartaz em 200 salas do país, busca recuperar a bilheteria do cinema nacional, que nos primeiros meses de 2012 apresentou queda de 71% do público em comparação ao ano passado.

“Xingu” narra a saga dos irmãos Villas Bôas, que desbravaram o Brasil Central a partir da década de 1940, estabelecendo contato com 14 tribos indígenas isoladas. Foi pelas ações de Orlando, Cláudio e Leonardo que a reserva do Parque do Xingu pôde ser criada, em 1961.

O projeto nasceu do desejo de Noel Villas Bôas, filho de Orlando, ver a saga dos três irmãos fora do formato de documentário. Em entrevista à repórter da Rádio Cultura, Cirley Ribeiro, o diretor fala sobre a transformação da história em ficção.

“Já foram feitos documentários muito bons, inclusive na Cultura. A ideia sempre foi fazer uma ficção. Ela sempre tem um poder maior de penetração no público do que o documentário”, afirma Cao. “Fizemos uma pesquisa muito grande. Encontramos material que não virou documentário e conversamos com pessoas que conheceram e trabalharam com os sertanistas. Também fomos conversar com os povos do Xingu. Desde o começo achei que seria muito importante ver o ponto de vista deles”, acrescenta o diretor.

O cmais+ é o portal de conteúdo da Cultura e reúne os canais TV Cultura, UnivespTV, MultiCultura, TV Rá-Tim-Bum! e as rádios Cultura Brasil e Cultura FM.

Visite o cmais+ e navegue por nossos conteúdos.

Comentários

Compartilhar


voltar ao topo